F1 News

Hamilton repete o 'truque' de 2021 em Abu Dhabi

Hamilton repete o 'truque' de 2021 em Abu Dhabi

24 novembro - 07:38 Última atualização: 09:54
0 Comentários

GPblog.com

Martin Brundle está surpreso que Lewis Hamilton tenha saído ileso do incidente na primeira curva com Carlos Sainz. De acordo com o britânico, a investigação sobre seu compatriota desapareceu misteriosamente.

Na primeira volta do Grande Prêmio de Abu Dhabi, Sainz mergulhou por dentro para tentar a ultrapassagem em Hamilton na curva seis. Hamilton fez a mesma coisa que ele também fez em 2021 com Verstappen, ou seja, evitar o contato e cortar a curva. Em ambas as ocasiões ele conseguiu escapar sem maiores danos. No entanto, Sainz reclamou pelo rádio da equipe, se referindo exatamente ao ocorrido em 2021.

Hamilton sendo poupado

Depois de várias voltas, Hamilton foi informado pelo rádio da equipe que a FIA havia solicitado que ele devolvesse seu lugar para Sainz. Uma decisão notável, porque em 2022, os pilotos e as equipes que tiveram que decidir se eles devolveriam a posição ou não. Se por acaso eles não o fizessem e os comissários discordassem, eles levariam uma punição.

Desta forma, a FIA queria limitar a comunicação entre as equipes e os comissários, mas em Abu Dhabi não foi isso o que aconteceu. Na verdade, Hamilton cumpriu o pedido de deixar Sainz passar e assim evitou uma punição. Brundle acha o curso de ação notável.

"Hamilton foi convidado a devolver o lugar para Sainz , o que ele fez antes de passá-lo de novo logo em seguida. Então foi anunciado pelo controle de prova que não haveria mais nenhuma decisão sobre o fato de ele ter ganho uma vantagem por passar fora da pista e curiosamente Hamilton também foi exonerado", afirma Brundle em sua coluna para a Sky Sports.

Reprodutor de vídeo

Mais vídeos