F1 News

Chefe da Williams defende Latifi: A pressão é maior para ele

Chefe da Williams defende Latifi: "A pressão é maior para ele"

21-09-2022 17:35 Última atualização: 17:39
0 Comentários

GPblog.com

O futuro de Nicholas Latifi como piloto de Fórmula 1 ficou ainda mais pressionado depois da impressionante estreia de Nick de Vries na Itália. Entretanto, o chefe da equipe WilliamsJost Capito, não quer demitir seu piloto por enquanto.

Latifi foi superado por seu companheiro de equipe que estava em sua primeira corrida de F1. Enquanto que De Vries foi amplamente elogiado por seu forte desempenho, as críticas sobre Latifi só aumentaram. Parece cada vez mais provável que os dias do canadense na F1 estejam contados, já que De Vries não é o único talento na fila esperando por um lugar.

O chefe da equipe Williams defende Latifi

Ainda assim, Capito está determinado a defender seu piloto. Ele argumenta que a pressão foi muitas vezes maior para Latifi do que para o estreante De Vries. "Você sempre tem que ser melhor que seu companheiro de equipe", disse o chefe da equipe Williams à Sky Sports. "Eu acho que a pressão para Nicky (Latifi) é muito maior do que para Nyck (De Vries) porque ele está no carro o ano todo".

Depois da corrida em Monza, houve muita gente pedindo que De Vries tivesse um lugar permanente na F1 para 2023, seja na Williams ou em outra equipe. No que diz respeito a Capito, entretanto, não há razão para tomar decisões precipitadas. "Ainda temos tempo para decidir e ver como ele (Latifi) se comporta, mas há várias opções e não temos pressa", acrescenta ele.

Além de De Vries, Logan Sargeant também está no topo da lista de candidatos na Williams. Isso faria com que a equipe pegasse um piloto de sua própria academia. Sargeant é um jovem talento da Williams e atualmente está se saindo bem na Fórmula 2. Em outubro, ele fará sua estreia oficial na F1 durante o primeiro treino livre para o Grande Prêmio dos EUA.

Reprodutor de vídeo

Mais vídeos