"Um duelo como Senna contra Prost seria muito bom", afirma Berger

Red Bull Content Pool

General

Berger não acredita que Pérez pode derrotar Verstappen
15 de abril no 10:25
  • GPblog.com

Gerhard Berger não espera que tenhamos uma batalha emocionante pelo título mundial em 2023. O ex-piloto de Fórmula 1, que também foi chefe de equipe da Toro Rosso no passado, argumenta que o RB19 é forte demais para as demais equipes e que Sergio Perez não é suficientemente bom com o mesmo carro que Max Verstappen.

Falando com Kronen Zeitung, Berger afirma que normalmente ele é relutante em fazer previsões, mas que este ano já está muito claro o que vai acontecer. O austríaco de 63 anos não acredita que seja viável para a Mercedes, Aston Martin e Ferrari eliminar completamente uma diferença tão grande em pouco mais de seis meses. Além disso, ele aponta que a Red Bull também tem uma "velocidade de desenvolvimento insana".

"Pérez não vai dificultar as coisas para Max"

Com isso, somente Pérez pode ser capaz de impedir um terceiro título mundial de Verstappen. No entanto, as chances do mexicano não são muito altas. "Seria desejável para os fãs se Pérez e Verstappen pudessem montar um duelo como Senna contra Prost. Mas eu duvido, Max é muito forte", disse Berger, que também não ficou muito impressionado com a vitória de Checo na Arábia Saudita. "Se ambos começam da primeira fila, parece diferente. Ninguém consegue vencer Max".

Naquela ocasião, Verstappen teve que largar da 15ª posição após um problema na classificação, mas mesmo assim ele terminou a corrida em 2º lugar. Depois de três Grandes Prêmios, o holandês está 15 pontos à frente de seu companheiro de equipe.