Horner furioso com Wolff e Mekies: "Não é coincidência"

F1 News

1 de outubro no 05:47
Última atualização 1 de outubro no 09:14
  • GPblog.com

Christian Horner está furioso com os comentários feitos pela Mercedes e pela Ferrari sobre possível excesso do teto orçamentário pela equipe austríaca. O chefe da Red Bull Racing acredita que as duas equipes deveriam voltar atrás em suas declarações feitas na sexta-feira.

Na sexta-feira, surgiu a notícia de que a Red Bull pode ter sido uma das duas equipes a ultrapassar o limite do orçamento de 2021. O valor exato ainda não foi anunciado. Toto Wolff, chefe da equipe Mercedes, e Laurent Mekies, chefe da Ferrari, ambos falaram sobre o assunto e deixaram Horner furioso.

Horner chama as declarações de inaceitáveis

Horner está furioso por causa das declarações feitas por Toto Wolff e Laurent Mekies. "Essas são afirmações difamatórias e absolutamente inaceitáveis. A própria FIA diz que eles ainda não completaram a investigação", o chefe da equipe disse durante a coletiva de imprensa.

Max Verstappen pode conquistar o título mundial em Singapura pelo segundo ano consecutivo, portanto as declarações dos concorrentes também não são inesperadas, de acordo com Horner. "Não é coincidência que isto seja assunto agora que Max pode levar o título", disse ele.