F1 News

Domenicali responde críticas: Nós não olhamos apenas para o dinheiro

Domenicali responde críticas: "Nós não olhamos apenas para o dinheiro"

17-08-2022 17:15 Última atualização: 17-08-2022 17:15
0 Comentários

GPblog.com

A Fórmula 1 está recebendo muitas críticas sobre o calendário atual e futuro. Circuitos clássicos e históricos ameaçam desaparecer do esporte à medida que novos Grandes Prêmios chegam ao campeonato. O CEO da categoria, Stefano Domenicali, enfatiza que não se trata apenas de dinheiro no esporte.

Mais e mais circuitos novos estão sendo adicionados ao calendário da F1. Recentemente, o circuito de rua em Jeddah foi adicionado, assim como o Grande Prêmio do Catar. Este ano também teve a primeira corrida em Miami.

A partir de 2023, o Grande Prêmio de Las Vegas será adicionado ao calendário, o que significa que outros circuitos têm que dar espaço. Segundo rumores, os fãs podem ter que dizer adeus a circuitos clássicos como Mônaco e Spa-Francorchamps, que fazem parte do calendário de F1 há muitos anos. Também não haveria lugar para o Grande Prêmio da Alemanha.

Domenicali: "Nós não olhamos apenas para o dinheiro"

Domenicali responde às opiniões que envolvem o formato do calendário. "Eu não estou vendendo a alma da Fórmula 1", ele diz à Sky Sports alemã. Países como Arábia Saudita e Catar têm sido acusados de violar os direitos humanos, levando os fãs a suspeitar que o esporte só viaja para esses países por causa do dinheiro. "A mudança é normal. O dinheiro é importante em todos os lugares, inclusive para nós. Nós não olhamos apenas para o dinheiro, todo o pacote tem que estar certo. Se olhássemos apenas para a conta bancária, o calendário seria muito diferente", enfatiza o italiano.

Reprodutor de vídeo

Mais vídeos