General

Leclerc continua cometendo erros importantes

Leclerc continua cometendo erros importantes

4 agosto - 19:49 Última atualização: 19:53
0 Comentários

GPblog.com

Charles Leclerc iniciou a temporada atual como grande promessa, mas menos de meio ano depois as dúvidas estão crescendo. O monegasco foi pego repetidamente cometendo erros cruciais na primeira metade da temporada e ele não parece estar aprendendo com eles. O GPblog lista uma série de dolorosos abandonos do piloto nos últimos anos.

GP do Azerbaijão 2019

Em sua primeira temporada com a Ferrari, ele causou uma boa impressão no Azerbaijão. Leclerc marcou o tempo mais rápido em todas as sessões de treino e, portanto, parecia pronto para conseguir um bom resultado na classificação. Mas o monegasco não parecia estar prestando muita atenção. O carro de Leclerc acabou batendo contra o muro.

A complicada 8ª curva foi a culpada pela ruína do piloto. Leclerc fez a curva muito larga no segundo tempo, não conseguindo evitar o acidente. Como resultado, ele bateu o bico do carro diretamente contra o muro, algo parecido com o que tinha também acontecido com Robert Kubica uma sessão antes.

Como Leclerc já havia definido um tempo de volta rápida, ele ainda conseguiu chegar ao Q3. Entretanto, seu carro estava tão danificado que ele não pôde continuar para disputar pela pole position, largando da nona posição. Ele ficou satisfeito com o quinto lugar alcançado na corrida, mas ele sabia que poderia ter sido muito melhor.

GP de Mônaco 2021

No ano passado, sua corrida de casa em Mônaco foi ainda mais dramática. Ele estava interessado em conseguir um bom resultado correndo em seu país, mesmo com a disputa pelo título sendo entre Max Verstappen e Lewis Hamilton. Ele estava indo muito bem na classificação, até que as coisas deram errado na última volta.

Enquanto Verstappen trabalhava duro para tentar fazer uma volta melhor que a do monegasco, Leclerc de repente foi responsável por uma bandeira vermelha. Mais uma vez, ele bateu com seu carro contra a barreira, perdendo o controle do volante. Todo o lado direito de seu carro ficou destruído.

Leclerc e sua equipe fizeram tudo o que podiam para continuar o fim de semana e tentar conseguir a vitória largando da pole position, mas a equipe italiana não conseguiu resolver os problemas a tempo. Como resultado, Leclerc foi para casa sem ter participado da corrida.

GP de Imola 2022

Que Leclerc continua cometendo erros cruciais nas corridas ficou evidente no GP de Imola deste ano. Na Itália ele largou em segundo lugar, mas logo na primeira volta ele caiu para a quarta posição. No final da corrida ele tentou atacar Sergio Pérez.

No entanto, o monegasco se empolgou demais e acabou passando em cima da zebra na entrada da curva. Ele perdeu o controle do carro, passou reto na curva e foi direto na barreira.

Como resultado, Leclerc teve que ir para os boxes para trocar a sua asa dianteria e acabou perdendo a oportunidade clara de um pódio na corrida. Com um sexto lugar, Leclerc não ficou satisfeito, pois perdeu pontos importantes na disputa pelo campeonato mundial.

GP da França 2022

Não foi a única vez nesta temporada que Leclerc cometeu um erro sozinho. Durante o GP da França, o monegasco não parecia ter muito com o que se preocupar, mas mesmo assim as coisas deram errado para o adversário de Verstappen.

O atual campeão mundial parecia que teria muito trabalho na corrida para conseguir vencer Leclerc. O piloto da Ferrari largou na pole position, segurou a posição, e conseguiu segurar o holandês atrás de si durante as primeiras voltas do Grande Prêmio.

Na décima oitava volta, Leclerc jogou tudo por água abaixo. Sem nenhuma pressão de Verstappen, ele errou sozinho e bateu com seu carro na barreira de pneus, colocando um ponto final em sua corrida.

 
 
 
 
 
Dit bericht op Instagram bekijken
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Een bericht gedeeld door GPblog.com Nederland (@gpblog_nl)

Conclusão

Apesar de estar em sua quarta temporada na Ferrari, Leclerc ainda continua cometendo erros cruciais na Fórmula 1. Nos últimos anos, os holofotes não estavam em cima dele, mas desta vez, na disputa pelo campeonato, ele não pode mais cometer esses erros.

A diferença em relação à Verstappen neste aspecto é imensa. O holandês cometeu muitos erros em seu início na Red Bull Racing, mas nas últimas temporadas ele demonstrou ter aprendido muita coisa. A maturidade de Verstappen é o que faz a diferença em comparação com Leclerc.

Reprodutor de vídeo

Mais vídeos